Paixão

Tem gente
que gosta de sol,
eu gosto
de sol também
mas por muito tempo
tive como amante
a noite

Tem gente
que gosta de luz
eu gosto também
mas assisto tv
no escuro
curti muita viagem
ouvindo som
com as luzes apagadas
e no escuro
de antros pornos
muito sexo
desconhecido

Tem gente
que gosta
de sorrisos leves,
conversas moles
e amores caseiros
eu gosto disso também,
mas é excessão,
a regra é o terror
dos que conhecem
o abismo
e paixões
que transam as almas
e provocam
profunda dor…
o resto é gozo
e nada mais…

Paulo Alfuns

* poema publicado originalmente no dia 01/09/2016 numa rede social, na minha ex página Curti poesia…

Um dia, no tempo

Hoje
Não tem praia
Tem um vento
frio, um ar gelado
E uma chuva
que espera cair…

Hoje
Não tem tristeza
Não tem alegria
Tem um dia
de cor cinza,
e sem simpatia

Hoje é o princípio
do nada,
de uma caminhada
sem pódio,
sem largada

Hoje tá bom
pra dormir
Talvez,
sonhar e sorrir
e agradecer
por ainda existir…

Paulo Alfuns

* poema publicado originalmente no dia 21/08/2016 numa rede social, na minha ex página Curti poesia…

Com o Pensamento nas Palavras de S.B.

É muito
mais fácil caminhar
Quando você não sabe
os perigos
que vai encontrar

O campo
pode estar minado
mas com a fé e a coragem
a alegria
seu único objetivo
é chegar do lado
de lá

É muito mais fácil
caminhar
Quando a gente
não sabe o que vai
encontrar

Com boa vontade,
foco, e decisão
sempre chegamos
muitas vezes, e
nem usamos a razão

É muito mais fácil
chegar, atravessar
pro lado de lá
Quando se tem esperança
mesmo que em vão
de que um dia,
irá ganhar…

Paulo Alfuns

* poema publicado originalmente no dia 09/08/2016 numa rede social, na minha ex página Curti poesia…

Gostaria de ir

Gostaria de ir
embora
Não sei para
onde
Meus pés descalços
Já não possuem
mais direção

Gostaria de ir
para um lugar
onde não precisaria
existir, onde
o sonho mais louco
que tivesse
seria isso, apenas
um sonho

Gostaria de ir
onde o coração
me pede
para ir
mas esse lugar
já não se faz mais
existir

Gostaria de ir
de seguir
e peço força
pra persistir
e, não desistir…

Paulo Alfuns

* poema publicado no dia 08/08/2016 numa rede social, na minha ex página Curti poesia…

Vou vivendo
o dia a dia
sem muita razão
Vou seguindo
sem saber ao certo
a direção

Vou caminhando
com os passos lentos
ora apressados
Vou driblando
a solidão
e o vazio no coração

Vou caminhando
vou vivendo
vou seguindo
levando essa decisão
de não parar
de não me deixar
derrubar
por qualquer
situação…

Paulo Alfuns

* poema publicado originalmente no dia 07/08/2016 numa rede social, na minha ex página Curti poesia…

Ser Caminhante

Tenho
comigo
No momento
a solidão
Nobre companhia
para a alma vazia
que está no meu coração

Tenho
algumas frases
alguns versos
que insistem
em se apresentar
procurando reviver
através de si
o que busco
em meu falar


foi um cisto
fechou um ciclo
estou eu aqui
sempre pronto
preste à recomeçar

Ah, recomeçar
Quando penso
que já finalizou
Estou eu novamente
a iniciar
o que parece
nunca finalizar

Paulo Alfuns

* poema publicado originalmente no dia 03/08/2016 numa rede social, na minha ex página Curti poesia…

Iniciante

Vou
redescobrir as palavras
Vou
buscar um tema
talvez,
um lema

Vou procurar
as palavras
Buscar as rimas
encontrar
a Vida

Vou
buscar me entender
saber o que sou
e, o que não sou
há de sair

Talvez
me contente
em não saber
o suficiente
para continuar
a viver
um dia
a mais…

Paulo Alfuns

* poema publicado originalmente no dia 02/08/2016 numa rede social na minha ex página Curti poesia…